Bijuteria Artesanal e a Arte em Fimo.

15 dezembro, 2006

Cane Work



No último post, falei-vos de Cane Work. Em português, chamam a isto "Canas de fimo" ou "Barras de Fimo" e eu não concordo com tais designações. A primeira, pressupõe que fazemos um tubo de Fimo oco e a segunda, pressupõe uma barra de Fimo de 56 g (sem ser trabalhada), tal e qual como as encontramos à venda nas papelarias e lojas de artesanato. No caso destas fotos, apresento-vos o conceito de Millefiori Cane, que não é mais que a combinação de duas técnicas: Cane Work(ler post anterior) + Millefiori. Limitei-me a traduzir (da Wikipedia)parte do significado de Millefiori para vocês:

Millefiori= Mille("mil", em Italiano)+ Fiori("flores", em italiano). É uma técnica de trabalhar o vidro, que nasceu no Egipto e que mais tarde foi adoptada ao vidro italiano(ex: vidro de Veneza). Tal técnica, consiste na produção de cilindros de vidros de cores diferentes(glass canes) que vão constituir a chamada murrine. Depois, a glass cane é cortada em finas rodelas e estas, sobrepostas numa superfície (que pode ser uma bola de vidro, ou uma superfície qualquer plana , que resista a altas temperaturas), de forma a formar uma espécie de um mosaico.

Actualmente, esta técnica foi adoptada ao Fimo (e a todos outros Polymer Clays) e o resultado obtido, é o que se pode ver na foto acima. A vantagem da adopção das Millefiori Canes ao Fimo é clara: Para além deste ser muito mais fácil moldar que o vidro, o fimo não tem que ser fundido (como o vidro). Podemos fazer uma só cane, ou várias e combiná-las. A 2ª figura (a contar da esquerda para a direita e de cima para baixo) tem apenas um padrão ( e portanto 1 cane), já a 1ª tem 2 padrões(2 canes diferentes). Perceberam? :)

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home